Falta de Lubrificação Feminina – Chega de Secura Vaginal!

Tempo de leitura: 3 minutos

Saiba por que muitas mulheres sofrem com falta de ejaculação e como contornar esse problema com dicas simples e práticas.

O que é a Lubrificação Feminina

A Lubrificação nada mais é que um reflexo do corpo aos estímulos sexuais (corresponde ao que seria a ereção no caso dos homens).

Quando uma mulher é estimulada sexualmente, o corpo libera hormônios que disparam o coração, aumentando o fluxo sanguíneo por todo o organismo.

A partir disso, as glândulas responsáveis pela lubrificação produzem gotículas que ultrapassam a barreira da pele, resultando na umidificação vaginal, e preparando a mulher para a penetração.

lubrificação feminina - secura vaginal

E o que causa a falta de lubrificação ou famosa secura vaginal?

  • Em alguns momentos, ao longo da vida, a mulher pode apresentar problemas com falta de lubrificação vaginal. Isso pode ser decorrente de diversos fatores, como questões emocionais e contratempos na vida sexual.
  • A ausência de lubrificação atinge também mulheres que estão na menopausa ou no pós-parto, e nesses casos trata-se de uma questão hormonal, já que ocorre uma redução na produção de estrogênio, importante hormônio feminino.
  • Um terceiro motivo para a falta de lubrificação são tratamentos do câncer, como radioterapia e quimioterapia, que também influenciam negativamente na produção de estrogênio.

Existem alguns sintomas desencadeados pelo ressecamento vaginal, que indicam se a mulher está sofrendo com o problema. São eles:

  • Coceira;
  • Queimação;
  • Irritação na vagina;
  • Diminuição da Elasticidade;
  • Dores durante as relações sexuais.

Como aumentar a lubrificação vaginal

Muitas mulheres acabam apelando para lubrificantes a fim de aliviar os sintomas, porém trata-se de uma solução paliativa, que não resolve a principal causa do problema.

Para ajudar a estimular a umidade na genitália da mulher, é possível investir em algumas técnicas naturais:

Gel de Babosa (Aloe Vera)

O gel da babosa (ou Aloe Vera), além de funcionar como um lubrificante natural, regula o pH da vagina. Basta preparar uma mistura de 2 colheres de gel de babosa para 1 colher de leite, aplicando na região sempre que sentir um incômodo.

O gel da babosa pode ser obtido através da planta ou encontrado em lojas de produtos e cosméticos naturais.

Óleo de Gergelim

O óleo de gergelim também funciona como um lubrificante natural, melhorando a umidade da vagina sem alterar o pH da mesma. Deve ser aplicado massageando suavemente.

Chá de folhas de amoreira

As folhas de amoreira são um ótimo tratamento para a falta de lubrificação, principalmente na menopausa, pois auxiliam na estabilização hormonal. O preparo deve ser feito com 500 ml de água quente e folhas de amoreira, deixando a infusão descansar por cerca de 10 minutos.

O chá deve ser consumido ao longo do dia.

Alimentos que ajudam na secura vaginal

Existem também alguns alimentos, que podem ser consumidos todos os dias, e ajudam a aumentar a lubrificação da vagina, pois favorecem a circulação sanguínea pelo corpo e também aumentam a produção de estrogênio. Entre esses alimentos, os mais recomendados são:

  • Chocolate;
  • Banana;
  • Soja;
  • Laticínios;
  • Nozes e castanhas;
  • Frutos do mar.

Estimulante Sexual Feminino

Uma das formas mais eficientes para aumentar a lubrificação feminina é através de estimulante sexual natural, feito à base de ingredientes encontrados na natureza, que não prejudiquem ou impactem no organismo.

O estimulante sexual natural não tem contraindicação e pode ser consumido junto com os remédios para reposição hormonal receitados por um médico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *